Pular para o conteúdo principal

07-Frações de compasso

Já pudemos ver na aula anterior que os compassos são grupos de tempos organizados dentro da música, para facilitar a leitura da partitura.

Vimos também que o que separa um compasso do outro é um pequeno travessão vertical chamado barra de compasso. Estes travessões marcam justamente o início e o final de cada compasso.

Vimos ainda que podemos numerar cada um dos compasso para facilitar sua localização dentro da partitura.



Clique na imaem para ampliar.


Agora veremos como fazer para determinar quantos tempos haverá em cada compasso.



Repare que no início da pauta, logo após a clave de sol, há uma fração.(quatro por quatro)




É essa fração é que nos indica (através do numerador) quantos tempos teremos em cada compasso, e (através do denominador) qual figura de som representará cada um desses tempos.


Calma!

Na fração de compasso, o numerador da fração (número que está em cima) nos indica quantos tempos terá em cada compasso da partitura.

Em nosso exemplo acima, o numerador (nº 4) diz que cada compasso terá quatro tempos.

Isso quer dizer que de quatro em quatro tempos iniciamos um novo compasso.

Ou ainda, se cada tempo do compasso tiver um segundo de duração, a cada quatro segundos, passaríamos de um compasso para o seguinte.

Mais um exemplo.




Neste próximo exemplo , o numerador (nº 3) nos diz que cada compasso terá TRÊS tempos.
Isso quer dizer que de TRÊS em TRÊS tempos iniciamos um novo compasso.
Ou ainda, se cada tempo do compasso tiver um segundo de duração, a cada TRÊS segundos, passaríamos de um compasso para o seguinte.

Se o numerador fosse o nº 2 , cada compasso teria DOIS tempos.
Isso quer dizer que de DOIS em DOIS tempos iniciaríamos um novo compasso. Ou ainda, se cada tempo do compasso tiver um segundo de duração, a cada DOIS segundos, passaríamos de um compasso para o seguinte.

IMPORTANTE!

A FRAÇÃO DE COMPASSO NADA TEM A VER COM A QUANTIDADE DE COMPASSOS NA PARTITURA.

A QUANTIDADE DE COMPASSOS DA PARTITURA FICA A CRITÉRIO DE QUEM A COMPÕE E NÃO PRECISA SER DIVULGADA NA PARTITURA.


E O DENOMINADOR DA FRAÇÃO?

Agora qua já entendemos a função do numerador da fração, vejamos a função do DENOMINADOR (número que esta embaixo na fração)
Cliqua na imagem para ampliar.

Perceba que abaixo de cada figura de som há uma fração.(estas não são frações de compasso) São frações que servem para identificarmos que figura de som tem maior valor que outras.


Você percebeu também que nos exemplos anteriores o denominador das frações de compasso(número que está embaixo) é o número 4.
Observe na imagem acima, e identifique qual das figuras de som tem o número 4 em sua fração.

A semínima (1/4 da semibreve) é a figura que é representada pelo número 4 .

Logo podemos deduzir que se a fração de compasso é 4/4 (quatro por qutro), cada compasso será formado por quatro semínimas, ou figuras que equivalham às quatro semínimas.


VEJA!


Clique na imagem para ampliar.
Podemos usar essas e outras inúmeras combinações de figuras de som e de pausas para preencher a duraçãodo compasso acima(quatro tempos em cada compasso).
E se a fraçãode compasso fosse 3/2 (três por dois)?


Clique na imagem para ampliar.
Neste caso, cada compasso deverá ter três mínimas ou figuras equivalentes, pois a mínima é a figura de som representada pela fração 1/2 (um meio) por isso o numerador da fração de compasso no exemplo acima é o nº 2.

  • Quando o compasso tem quatro tempos, ele é um compasso quaternário.
  • Quando o compasso tem três tempos ele é ternário.
  • Quando o compasso tem dois tempos ele é binário.

Não entendeu? vagnerbatera@msn.com

Postagens mais visitadas deste blog

02-Introdução à partitura

A partitura tem a finalidade de representar de forma escrita, os sons musicais e suas diferentes interpretações. Como é difícil decorar todas as músicas existentes, é através do entendimento da parttura e de algumas de suas peculiaridades que estaremos aptos para iniciar o estudo de qualquer isntrumento.

Caso você já toque algum instrumento, e ainda não sabe ler partitura, aproveite esta oportunidade para aprender. Seus estudos ficarão bem mais dinâmicos e proveitosos. AS NOTAS MUSICAIS

Existem em princípio sete notas musicais . São elas: DÓ - RÉ - MI -FÁ - SOL - LÁ - SI, e
cada uma delas possui um som diferente da outra. Aprenda como baixar o áudio! Clique aqui, baixe e ouça o som das notas de DO a SI. Partindo da nota DÓ até a nota SI, veremos que a nota é mais grave do que as outras notas acima dela.

A nota SI será mais aguda que todas as outras notas que estiverem abaixo dela.
Para representar isso de forma escrita, na partitura, nós usaremos a pauta.
PAUTA PAUTA - É um conjunto de ci…

12- Exercícios de solfejo

Olá! Neste capítulo, são apresentadas 9 lições de solfejo.

O objetivo é proporcionar a você a oportunidade de poder por em prática algo do que pode aprender sobre música atá agora, seja neste blog ou em outras fontes de consulta. SOLFEJO Consiste em entoar as notas das melodias propostas, respeitando sua altura correta, e sua divisão ritmica. Somente intensificando o contato com a música, é que alcançamos degraus mais altos em nossa evolução musical. Como próxima matéria, serão apresentadas lições de divisão rítmica, o que irá ajudá-lo(a) ainda mais no objetivo de tocar algum instrumento, ou simplesmente de ler bem uma partitura. Abaixo de cada figura, será colocado um link para que se possa baixar o áudio da figura sob a qual o link estiver.

Vale lembrar que cada link, é próprio de uma figura. Cada figura terá seu arquivo de áudio. Se você achar que as imagens estão pequenas, dificultando seu estudo, basta clicar sobre elas para ampliá-las.

BONS ESTUDOS! Aprenda como baixar o áudio…

13-Divisão rítmica (exercício)

Para que você não tenha dificuldades de entender e executar os exercícios de leitura rítmica aqui propostos, aqui vai uma breve explicação sobre como interpretar as diferentes combinações de figuras de som. Assim como nós, ao aprendermos a ler, juntamos as letras e sílabas, com seus diferentes sons, para formar as palavras; Assim também, na construção do ritmo é preciso juntar as diferentes figuras de som e pausa e respeitar suas durações.
O que quero dizer com isso é que pra você ter mais fluência na leitura dos ritmos, você precisa tratar figuras de som como se fossem letras, e as combinações dessas figuras como se fossem sílabas, cada uma com seu som.
Abaixo, estão alguns exemplos de diferentes combinações de figuras de som e sob cada uma delas, um link para você poder baixar o áudio e ouvir a execução de cada (sílaba).

Aprenda a baixar o áudio.
Áudio com a execução da semibreve.

Áudio com a execução da mínima.

Áudio com a execução da semínima.

Áudio com a execução das colcheias.

Áudio co…